Multicanal: Não é apenas na TV

15 de março de 2017

Sabe aquele ditado sobre não colocar todos os seus ovos em uma única cesta? Isso também serve para a estratégia de marketing. É praticamente inconcebível que, em 2017, ainda existam empresas com foco em um único canal de marketing. Seja PPC (Pay-per-Click [Pagamento por clique]), SEO (Search Engine Optimization [Otimização de mecanismo de busca]), redes sociais, marketplaces ou e-mail, ter uma visão limitada a um único canal não costuma ser uma boa ideia.

Sempre que falo com as pessoas sobre marketing multicanal, ouço uma destas duas coisas:

1. “Não tenho tempo/dinheiro/funcionários/conhecimento, etc.”

OU

2. “Por que eu deveria me importar com SEO/PPC/conteúdo/redes sociais/marketing por e-mail se já estou indo tão bem no eBay e na Amazon?”

Bem, continue a ler para descobrir…

O que é o marketing multicanal?

O marketing multicanal é exatamente o que parece: diversificar sua presença, em vez de se concentrar apenas em um único canal como sua fonte de renda e/ou tráfego. O objetivo principal é dar visibilidade à sua empresa e facilitar o acesso ao máximo, não importa onde estejam seus clientes.

Por que o marketing multicanal é importante?

O marketing multicanal atende e envolve melhor os seus clientes, facilitando para que as pessoas concluam as transações em suas lojas (físicas ou digitais). Quando executada da maneira correta, a estratégia melhora seus resultados e encanta seus clientes.

Alguns compradores gostam de pesquisar ofertas no Google, enquanto outros vão direto para a Amazon. Alguns não vão comprar nada de sua empresa a menos que saibam mais sobre quem é você e o que você representa. Outros nem se importam e estão dispostos a aceitar recomendações de amigos ou redes sociais. Seja como for, todas essas pessoas têm dinheiro e querem gastar. Então, por que não estar ali para ajudá-las?

Como os canais interagem entre si e afetam uns aos outros?

O marketing não existe em uma bolha. Houve um tempo em que tudo o que você precisava fazer era gastar uns dólares no AdWords e pronto, seu tráfego estava garantido. Os tempos mudaram.

A menos que sua marca se torne viral com os clientes, você não aparecerá no topo dos resultados de pesquisa, nem chegará perto disso. É aí que entra o marketing de mídia social pago, o tráfego encaminhado, os marketplaces e o marketing de conteúdo.

Ou, vamos supor que você tenha feito uma venda e queira manter seu cliente envolvido depois disso. SEO, marketplaces e PPC não serão suas melhores opções de marketing. Em vez disso, você precisará de um marketing por e-mail que seja oportuno, um marketing de varejo e algumas campanhas em redes sociais para aumentar o envolvimento com sua marca. A mesma estratégia deve ser usada se você estiver com uma oferta relâmpago em seu site ou um evento agendado em sua loja física.

Talvez você tenha estabelecido sua marca no mercado e queira apenas manter seu nome por lá. Então, você deve ir atrás de uma excelente estratégia de SEO orgânica que inclua marketing de conteúdo, uma boa e constante presença nas redes sociais, uma campanha de marketing por e-mail regular para seus clientes fidelizados e uma sólida estratégia de PPC.

Cada canal tem sua própria finalidade, mas todos se complementam entre si. Negligenciar um deles é como montar um quebra-cabeças com peças faltando: talvez você consiga, mas a imagem não estará completa.

Benefícios de uma estratégia de marketing multicanal

 

Veja bem, os marketplaces são ótimos. Se você estiver indo bem, parabéns. Mas imagine como poderia estar se saindo se desenvolvesse suas opções de marketing junto com seus esforços de marketplace. Alguns dos benefícios de adotar uma estratégia multicanal junto com sua presença existente no marketplace incluem:  

  • Maior presença da marca – Esteja em todos os canais porque seus clientes e seus concorrentes provavelmente estarão.
  • Maiores resultados nos mecanismos de busca – O que acontece quando alguém pesquisa sua marca ou loja no Google ou Bing? Eles se deparam com um site antiquado e um monte de reclamações? Ou eles veem seu perfil do Facebook, seu site, os artigos recentes em seu blog e tudo mais que você quer que as pessoas vejam? Você precisa de SEO e PPC aqui.
  • Melhor gestão de reputação — Isso nos faz voltar ao item anterior. Se a única coisa que as pessoas encontram quando pesquisam seu nome é um monte de publicações antigas, avaliações negativas e citações aleatórias, isso não inspira muita confiança. Uma boa campanha de SEO pode ajudar aí.
  • Maior desenvolvimento da marca — Sim, você está na Amazon e todos nós conhecemos a Amazon, mas adivinhe só: as pessoas precisam saber quem você é. SEO, PPC, redes sociais e outros canais oferecem a você uma forma excelente de apresentar sua marca aos clientes e, por sua vez, aumentar a confiança.
  • Maior envolvimento com os clientes — Embora a Amazon e outros marketplaces tenham seções de perguntas e respostas para que os clientes tirem suas dúvidas, isso não é o mesmo que falar com eles nas redes sociais e definitivamente não é o mesmo que fazê-los continuar voltando com uma excelente campanha de marketing por e-mail.
  • Promoções e vendas visíveis — Tem uma oferta relâmpago? Um evento especial em sua loja? Bem, se você estiver apenas nos marketplaces, ninguém saberá disso. Os canais como varejo, redes sociais e e-mail podem realmente fazer com que esses anúncios importantes cheguem aos clientes, mais do que qualquer marketplace.

Pronto para começar?

Você provavelmente já começou a usar algumas dessas táticas. Certamente, você só precisa entender melhor como elas funcionam em conjunto. Depois que entender bem como cada canal afeta os demais, tudo começará a fluir e se tornará natural para você.

Precisa de ajuda? É por isso que a ChannelAdvisor está aqui! Entre em contato conosco hoje mesmo e veja como podemos ajudá-lo a se tornar uma verdadeira potência no marketing multicanal!